Tema de Fundo do Blog Repense | Multibenefícios GPA

Blog Repense | Multibenefícios GPA

Atraia talentos oferecendo desafio, propósito e satisfação pessoal

Publicado em 18/03/2019

Categoria: Sua Empresa | Tags: colaboradores, RH, talentos

Atraia talentos oferecendo desafio, propósito e satisfação pessoal

Em tempos de crise econômica, em que o poder de barganha saiu da mão do funcionário (que antes era disputado pelas empresas na época do plano emprego) e passou para as organizações (que detêm as poucas vagas disponíveis e podem escolher mão de obra), a reflexão sobre modelos de oferta vem ganhando espaço. Se por um lado temos empresas e seus RHs cada vez mais interessados em atrair os melhores talentos, de outro temos profissionais analisando as propostas à luz do desafio, do propósito e da satisfação pessoal.

Luciana Guedes, sócia-fundadora da consultoria Trajeto RH, avalia que o movimento de revisão das empresas ainda é muito recente. “Quando falamos de grandes empresas, há a vontade de mudar e rever seus processos e ofertas, mas nem sempre o executar acompanha o ritmo do desejar mudar. São estruturas muito solidificadas, várias etapas e processos”, reforça a especialista.

Leia também:

>Faça como as melhores empresas do mercado: invista em capital humano

>Como o investimento em pessoas potencializa os resultados da sua empresa

No entanto, ela é positiva quanto aos talentos futuro e diz que a liderança que está chegando aos altos cargos hoje já vem de uma geração que tem o propósito como direcionador de escolhas. “Essas mudanças já começam a acontecer por meio desta nova liderança. Estou trabalhando com uma empresa que criou um pilar de diversidade e, dentro dele, o de gerações. Esse projeto faz uma mentoria de profissionais mais experientes com os mais jovens e vice-versa. Ou seja, o mais sênior palpita em questões de trabalho e empresa, ao passo que o mais júnior ensina as novidades, tecnologia e o pensar diferente. São olhares às vezes opostos, mas benéficos para os dois lados”.

O mentoring reverso é, inclusive, a aposta de Luciana para os próximos anos nas áreas de Recursos Humanos das companhias. Para ela, há muitas coisas positivas para as empresas extraírem dessa troca entre gerações.

Compartilhe

Artigos Relacionados

Sua Empresa

ESG e diversidade: qual a relação e como o RH pode ajudar?

ESG é a sigla do momento entre as corporações. Mas, de onde ela veio? E o que isso tem a [...]

Publicado em: 13/06/2022

Sua Empresa

Gestão de conflitos: como tornar o ambiente de trabalho melhor

Qualquer convívio social está sujeito a conflitos. No ambiente de trabalho, não poderia ser diferente. Com a retomada do trabalho [...]

Publicado em: 20/05/2022

Sua Empresa

Datas comemorativas: por que sua empresa deve celebrá-las

Afinal, com tantas datas comemorativas presentes no calendário brasileiro, por que celebrar a maioria delas dentro de uma empresa? Existe [...]

Publicado em: 10/05/2022