Tema de Fundo do Blog Repense | Multibenefícios GPA

Blog Repense | Multibenefícios GPA

ESG e Sustentabilidade: como o RH pode atuar?

Publicado em 21/07/2022
ESG e Sustentabilidade: como o RH pode atuar?

É preciso preservar o meio ambiente. Disso, ninguém duvida. Mas, a cada reunião, simpósio ou encontro entre nações fica claro quão urgente é a questão e como as corporações têm o dever de abraçar a causa da sustentabilidade.

Para se ter ideia, em 2018, o Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) estabeleceu uma métrica que tem norteado as campanhas de responsabilidade ambiental das empresas desde então: neutralizar as emissões de dióxido de carbono até 2050.

Já o motivo dessa data em específico é tão alarmante quanto parece. Não atingir esse objetivo significa não conseguir manter o aquecimento global abaixo dos 2°C, como prevê o Acordo de Paris, o que geraria catástrofes, inclusive a extinção de algumas espécies do planeta.

 

Leia mais: ESG e diversidade: qual a relação e como o RH pode ajudar?

 

ESG e sustentabilidade

Como já comentamos por aqui no Blog Repense, a sigla ESG, cada vez mais popular no vocabulário das empresas, surgiu em 2004, em um relatório do Banco Mundial em parceria com o Pacto Global, braço da Organização das Nações Unidas (ONU). A sigla significa Meio Ambiente (E), Social (S) e Governança (G).

O princípio do Meio Ambiente é justamente o responsável por reunir os planos e ações que as corporações têm se comprometido a fomentar para fazer sua parte, permitindo que o cenário catastrófico mencionado acima não se concretize.

 

Leia mais: Sustentabilidade: reciclar bitucas de cigarro é alternativa para empresas

 

Por ações concretas, listamos desde fazer o básico, que é promover a reciclagem por meio da coleta seletiva de lixo dentro de suas instalações, até rever processos, produtos e área de negócios para emitir menos poluentes. O Parlamento Europeu, por exemplo, aprovou em junho passado a proibição da venda de veículos a combustão a partir de 2035. Uma medida que deverá acelerar a mudança das montadoras para produção de veículos elétricos.

 

Mas, o que o RH pode fazer pela sustentabilidade mesmo?

Pensar de modo sustentável é um caminho. E, como normalmente acontece dentro das empresas, ele começa de dentro para fora. Por isso, após a definição das metas de sustentabilidade, cabe ao RH trabalhar a mudança dessa mentalidade dentro da corporação.

 

Leia mais: Conheça novas formas sustentáveis de consumir e diminuir impactos na natureza

 

Tudo pode começar de modo simples, por meio da comunicação interna, com avisos de “você tem certeza de que precisa imprimir esse e-mail?”, por exemplo, no rodapé das mensagens eletrônicas para poupar papel nas impressoras.

Já encomendar canecas personalizadas para todo o time pode ser uma forma não só de reconhecer e engajar colaboradores(as), mas uma solução para eliminar o uso de copos plásticos para água e café. Luzes e torneiras com sensores nos banheiros são outro meio para as empresas pouparem recursos como água e energia. Assim como optar por fontes renováveis de abastecimento, como eletricidade gerada por usinas solares e turbinas eólicas.

 

Leia mais: DNA sustentável: dicas simples para fazer sua empresa amiga do meio ambiente

 

Com a cultura sendo implantada de maneira escalar dentro da corporação, é possível ao RH tomar passos maiores, como implantar um programa de carona para funcionários(as) que moram próximo, promovendo um rodízio de carros.

Ou mesmo planejar o home office ou o sistema híbrido, para economizar com custos de locação de um imóvel comercial e todas as despesas que vêm com ele, como manutenção e limpeza.

 

Leia mais: Dia Mundial da Água: saiba como economizar e diminuir seus impactos

 

A verdade é que ser sustentável é – e precisa ser – um esforço de todos. E cabe ao RH a implantação dessa cultura dentro da empresa para que, aos poucos, o pensamento coletivo para beneficiar o planeta se torne comum.

Na sua empresa, tem sido assim?

 

Compartilhe

Artigos Relacionados

Sua Empresa

Gamificação - Como jogos podem engajar e motivar o time

É difícil encontrar uma pessoa que nunca tenha ficado horas na frente de alguma tela para passar de uma fase [...]

Publicado em: 13/07/2022

Sua Empresa

LGPD: O que o RH precisa saber sobre a lei

Apesar de a LGPD (sigla para Lei Geral de Proteção de Dados) já estar em vigor desde 2018, a adesão [...]

Publicado em: 27/06/2022

Sua Empresa

ESG e diversidade: qual a relação e como o RH pode ajudar?

ESG é a sigla do momento entre as corporações. Mas, de onde ela veio? E o que isso tem a [...]

Publicado em: 13/06/2022